Na China volta-se a executar em estádios

Na China apesar do discurso oficial de contenção no uso da pena capital reestabelecem-se as execuções públicas em estádios. A notícia não especifica se houve ou não aplausos públicos depois da execução dos 8 homens. Isto recorda-me sempre a Revolução Cultural. Nela os “inimigos do Estado e do Partido” eram passeados no meio da multidão que os apupava, lhes batia e apedrejava. Durante a Revolução Cultural, o actual presidente da China, Xi Jinping foi julgado em tribunal de “massas” e condenado por práticas contra-revolucionárias a dois anos de “reeducação no campo”, quer dizer trabalhos forçados. Na assistência estava a mãe, Qi Xin, que segundo relatos e seguindo ordem do tribunal no fim do julgamento ergueu o punho e gritou “Abaixo Xi Jinping”; “maldito inimigo do povo”. A irmã mais velha de Xi Jinping não aguentou a pressão psicológica no campo de reeducação para onde foi enviada, como a neta mais velha de DenG Xiao Ping que também se matou. Estes exercícios de justiça comunista em público não são próprios de um país que quer voltar a ser grande entre os grandes. E que ambiciona, naturalmente, a ser respeitado.

Eight executed immediately after open hearing in a stadium in notorious drug producing area of Guangdong province; scmp.com
Anúncios
Esta entrada foi publicada em China, Execuções, Partido Comunista Chinês, Pena de morte, República Popular da China, Revolução Cultural, Uncategorized, Xi Jinping. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s