Parlamento: rachado ao meio

Um parlamento quase dividido a meio. Regressa a dicotomia esquerda-direita. Exéquias para o centrão. A situação política portuguesa clarifica-se e isso é estimulante. Voltámos à política e ficou para trás o economês. Os agentes politicos que joguem com as cartas que têm no baralho e que as maiorias se formem. Naturalmente isso terá consequências. Vão ser muito mais difíceis os consensos. O parlamento vai travar guerras por questões de afirmação de valores. A possibilidade de adopção por casais homossexuais é uma dessas guerras introduzida pelo Bloco de Esquerda. Veremos também iniciativas de inversão de privatizações. Vai ser critica a actuação de quem for governo. Vem um tempo que nós politólogos gostamos imenso. Há muito para analisar e criticar.

Veja as caras, saiba a idade e profissão e conheça os currículos dos 230 deputados que estreiam o novo Parlamento esta sexta-feira.
JORNALDENEGOCIOS.PT
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Bloco de Esquerda, Parlamento. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s