António Costa e as presidenciais

Quando falha a capacidade de negociação interna acontecem estas coisas. Costa repete o síndroma de Sócrates. A candidatura de Maria de Belém é incontornável e ela pensa pela sua própria cabeça. Não vai pedir a benção político-partidária para avançar. Aliás se bem virmos as coisas até Sampaio avançou sem a benção partidária. O PS colou-se à sua candidatura já ela estava no terreno. O que preocupa Costa é que a candidatura de Sampaio da Nóvoa não descola da apatia e do cinzentismo. Não ‘vende’. Faz-me lembrar a candidatura de Soares Carneiro. Costa repete o mesmo erro de avaliação de Sá Carneiro.

Arnaldo Goncalves's photo.
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s