Fait le jeux: ataque à Rainha

xadrez

Em termos negociais foram jogadas todas as cartas na mesa. É de somenos quem tomou a iniciativa de saída da reunião do Eurogrupo: se a delegação grega se a presidência da reunião lhe apontou a porta da saída. Chegámos ao ponto em que nas negociações das instituições internacionais se chama um impasse. Quem acompanha o dia-a-dia das instituições internacionais este verdadeito jogo de xadrez alcançou o ponto do impasse. Nem avança nem recua. Não fui ver mas não creio existir um dispositivo legal que permita expulsar a Grécia do Eurogrupo. Aliás até tinha piada. No direito internacional público não há uma única norma que permita a um conjunto de Estados expulsar outro de um organização internacional. Porque admiti-lo seria alterar a regra da equidade entre todos os Estados perante o mesmo direito internacional. E há um dado adicional. No minuto em que o Eurogrupo reconhecer que a Grécia saiu as bolsas europeias entram a pique (e com elas todas as outras). Ou muito me engano ou estamos na antecâmara de um ataque especulativo `a moeda euro. Já o vi com o baht tailandês em 1997.

‘Eurogrupo garante: Grécia continua a fazer parte da zona euro
Depois de a Grécia não ter estado presente na segunda parte da reunião, vários ministros das Finanças desdobraram-se em declarações reforçando…
http://expresso.sapo.pt/internacional/2015-06-27-Eurogrupo-garante-Grecia-continua-a-fazer-parte-da-zona-euro

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s